Sem uma perna, homem vira Papai Noel e dá exemplo de inclusão

- Anúncio -

Homem conta que já pensou em suicídio por conta da amputação, mas agora a entrega dos presentes deu um novo sentido a sua vida.

Wellington do Vale Diniz,  sofreu um acidente de moto em março de 2017, batendo o veículo em uma caçamba.

Como consequência do acidente, os médicos precisaram amputar sua perna direita na altura do joelho.

- Anúncio -

Ele conta que se sentiu como se sua vida tivesse acabado e pensou em cometer suicídio.

Mas o que o ajudando de serviços gerais não sabia, é que existem muitas possibilidades para quem vive com alguma deficiência, e ele descobriu isso sendo Papai Noel em um centro de reabilitação em Marília (SP), onde ele também é um dos pacientes.

Ele está em tratamento desde de janeiro e agora recebeu esse convite que encheu seu coração de esperança.

“A gente acha que tem dificuldades na vida, mas, entrando aqui, vi que não existe dificuldade pra gente. Tem barreiras, mas elas surgem para que a gente passe por elas”, diz Wellington.

Quando o Papai Noel Wellington chegou à unidade de saúde da Rede Lucy Montoro, trouxe com ele momentos de alegria e descontração para todos aqueles que estavam ali, até a equipe médica se emocionou com o Papai Noel simbolo da inclusão.

“Eu acho isso aqui maravilhoso, nos traz uma força muito grande para seguir no tratamento, levanta o nosso astral”, relata a aposentada Valdete Marques.


Ação solidária junto a crianças que também fazem reabilitação física ajudou Wellington no tratamento — Foto: TV TEM/Reprodução

Ele disse ter sentido uma emoção especial ao entregar os presentes para as crianças e disse que esse trabalho deu um novo sentido a sua vida, depois do acidente.

- Anúncio -
- Anúncio -

José Gabriel Santos Cardoso, de 8 anos, que está fazendo tratamento na unidade disse como se sentiu quando viu Wellington chegando:

 “Eu pensei que Deus estava entrando.”, disse o menino emocionado.


O novo Papai Noel do centro de reabilitação de Marília, durante a entrega de presentes — Foto: TV TEM/Reprodução


Wellington do Vale Diniz teve a perna amputada após acidente e chegou a pensar em suicídio: superação e esperança — Foto: TV TEM/Reprodução

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by Ana Paula

Jornalista de profissão, e redatora por vocação. Escrevo com prazer tentando passar em palavras, emoções que possam tocar a vida das pessoas. Nas horas vagas mamãe de gatos e degustadora de cafés, que são meus grandes amores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conheça a história do homem que está preso nessa máquina estranha desde 1952

Papai Noel raspa o cabelo durante visita a crianças que lutam contra o câncer