in

Fotógrafa capta pai comovido no nascimento do filho. Mas depois, ele diz: “Não é por isso que eu estava chorando”

O casal que espera o dia da desejada notícia de que terão um bebê, é motivo de comemoração e felicidade. Todos os papais e mamães sonham com o momento mágico em que finalmente poderão segurar o bebê pela primeira vez, mas antes existe toda uma espera que depende de cuidados com a gestante, para que a mãe tenha uma gravidez saudável e o filho se desenvolva bem, para que o parto seja o melhor possível.

Só que nem sempre a gestação ocorre sem complicação, muitas mulheres relatam os momentos difíceis que tiveram que superar, muitas delas chegam a ter tanta dificuldade de passam boa parte da gestação acamadas por recomendação médica, mas vale a pena para garantir o bem estar dela e do bebê.

O registro de um pai chorando no momento em que sua esposa dava a luz chamou a atenção da fotógrafa contratada para fazer o registro que ficaria para o álbum de família, mas Kirstie Perez captou a reação do pai que chorava muito.

As imagens com a reação do pai na hora do nascimento do filho ganhou a web, todos queriam saber o que poderia ser, pois parecia ser um choro de angústia.

Após a esposa dar a luz, ele explicou para a fotógrafa o real motivo do choro no momento da foto.

“Não é por isso que eu estava chorando”, disse o pai se referindo ao nascimento do bebê.

A esposa teve uma gestação de alto risco, foram meses extremamente difíceis.

“Eu a assisti vomitar compulsivamente por mais de 285 dias”.

“Esta é a primeira vez que a vejo sorrir em 10 meses”.

A esposa durante a gestação teve Pré-eclâmpsia, não conseguia manter os nutrientes necessários no organismo, com isso perdeu cerca de 30 quilos. Precisou ser hospitalizada 4 vezes.

Como ela não conseguia sentir nenhum odor sem vomitar, o marido se alimentava nas escadas do lado de fora da casa onde moram.

Veja a mensagem que esse pai emocionado deixa para todos os homens:

“Homens, por favor, entendam o quão poderosa a sua empatia pode ser. Para todas as mães que têm gravidezes traumáticas e ainda encontrar uma maneira de sorrir… obrigado por se sacrificarem e resistirem para trazerem o vosso precioso filho ao mundo. Isso não é tarefa fácil.”

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

“Gordos não vão para o céu”, diz pastora

O que pode acontecer se você comer cebolas todos os dias?