Casal de idosos que se conheceram pelo Tinder: ‘Mandei um like e ele curtiu de volta’

- Anúncio -

Ajudada pela neta de 14 anos, Neusa Rodrigues Pereira uma aposentada de 73 anos, entrou no Tinder para afastar a solidão que sentia depois de estar há 6 anos viúva, mas ela acabou encontrando o amor.

Neusa entrou no aplicativo de namoro pois se sentia muito sozinha, o marido morreu há 6 anos e o filho que morava com ela decidiu se mudar, com a ajuda da neta de 14 anos ela aceitou entrar no Tinder, e então conheceu Vitório Willian Bassani, motorista particular de 77 anos.

“Já tinha ouvido falar nessas coisas e pedi para a minha neta ajudar, para encontrar um negócio de arrumar namorado. Minha colega já tinha comentado e daí na hora peguei o jeito”, lembra.

- Anúncio -

“No início, 42 homens curtiram minha foto, mas não me interessei por nenhum. Depois, conversei com um, e não deu certo. Aí vi a foto do Vitório e resolvi mandar um like. Ele curtiu, mandou mensagem e começamos a conversar.”

Neusa conta que logo depois do ‘match’, percebeu que Vitório era a pessoa que ela procurava.

“Logo no começo sabia que ia dar casamento”.

Mas os dois não tiveram pressa e conversaram por 8 meses diariamente até que aconteceu o primeiro encontro.


“Nunca ficamos sem nos falar. Ele me ligava umas dez vezes por dia, contávamos um ao outro o que fizemos de almoço e janta”, relembra Neusa.

Depois que os dois sentiram que era algo verdadeiro, Vitório viajou 200 quilômetros até Votorantim no interior de São Paulo, e o encontro dos dois foi à moda antiga.

“Dois dos meus filhos vieram em casa para conhecê-lo. Conversaram com o Vitório, fizeram várias perguntas. Depois que todo mundo se conheceu ele voltou, porque não poderia dormir em casa, né”, diz.

- Anúncio -

Sem pressa e com bastante parcimônia, os idosos namoraram por cerca de um ano até, enfim, oficializarem a união, numa cerimônia realizada no dia 9 de fevereiro deste ano.

“Fizemos um almoço pequeno. Minha mãe fez a comida, uma amiga a decoração, todo mundo ajudou um pouquinho e deu certo”, diz Thais Corrêa, neta de Neusa e cerimonialista.

Neusa vai passar uma temporada no litoral, onde Vitório trabalha, e se diz muito feliz com a união. E para quem duvida que a tecnologia possa realmente ajudar a encontrar o amor verdadeiro, ela aconselha.

“Tem que ter prudência para encontrar uma pessoa. Vai com paciência que consegue, sim. Sempre com respeito, boa conversa e amizade.”

- Anúncio -

Vitório e Neusa oficializam a união que começou no Tinder — Foto: Arquivo pessoal / Thais Corrêa

asamento foi realizado quase um ano após o primeiro encontro em Sorocaba — Foto: Arquivo pessoal / Thais Corrêa

Casamento é o segundo Vitório e o terceiro de Neusa, que mora em Votorantim — Foto: Arquivo pessoal / Thais Corrêa

Casamento dos idosos reuniu familiares em Sorocaba — Foto: Arquivo pessoal / Thais Corrêa

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by Ana Paula

Jornalista de profissão, e redatora por vocação. Escrevo com prazer tentando passar em palavras, emoções que possam tocar a vida das pessoas. Nas horas vagas mamãe de gatos e degustadora de cafés, que são meus grandes amores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Projeto de Lei prevê prorrogação do auxílio-maternidade no caso de prematuros

Em 2 meses, cientista despoluiu lagoa por completo usando nanotecnologia