Sem soro em hospital, menina morre após ser picada por escorpião

Foto: reprodução

Menina perde a vida por falta de soro parara tratar picada de escorpião na Grande São Paulo, em Franco da Rocha.

Uma criança de 7 anos deu entrada na UPA – Unidade de Pronto Atendimento no dia 14/10. O motivo de a família ter ido de madrugada em busca de atendimento, foi para ajudar a menina que havia sido picada por um escorpião em casa, mas na unidade não havia soro disponível para aplicar na criança. Embora a orientação da Secretaria de Saúde, seja a de, em casos como esse, levar a pessoa que está ferida diretamente para oi hospital da região em que mora e não para a UPA.

A vítima deveria ter recebido o atendimento na Santa Casa de Francisco Morato, mas foi levada para o Hospital Estadual dr. Carlos da Silva Lacaz, em Francisco Morato (SP), encaminhada pela equipe de atendimento da UPA.

A menina precisou ser internada na UTI – Unidade de Terapia Intensiva, mas como também estava sem soro, os médicos tiveram que solicitar com urgência. Infelizmente, mesmo tendo sido administrado o soro mais tarde, a criança foi a óbito, ela não resistiu ao veneno do escorpião.

O que já estava sendo uma grande dor e indignação para os familiares e amigos da vítima ficou ainda pior com a notícia seguinte; aproximadamente seis horas após a morte da criança, a avó também faleceu. Ela tinha 63 anos, era uma das acompanhantes, mas não suportou ao anuncio do falecimento da neta. Sentiu-se mal dentro do mesmo hospital. No dia seguinte, 15/10/2019, avó e neta foram sepultadas em Franco da Rocha.

A polícia está investigando o caso lamentável.

A Secretaria Estadual de Saúde se manifestou por meio de nota, dizendo; “A referência para Franco da Rocha para atendimento a casos de acidentes com animais peçonhentos é a Santa Casa de Francisco Morato, e não o Hospital Estadual de Francisco Morato”.

“O município direcionou a criança sem comunicação prévia a esta unidade. A paciente deu entrada às 6h53 com quadro gravíssimo e foi encaminhada diretamente para a UTI”.

Foto: reprodução

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Silvia M2ads

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Fontenelle curte noite com jovem enquanto Eduardo Costa pede perdão a ela

Fernanda Lima e Rodrigo Hilbert mudam nome da filha aos 9 meses