Menino de 8 anos espalha desenhos em postes em busca de gata ‘fujona’

A gatinha Lola, da raça persa, desapareceu da casa da família no último sábado (27), do bairro Água Verde em Blumenau, Santa Catarina.

Mas o sumiço do animal ganhou repercussão no Brasil todo, depois que uma adolescente viu um das dezenas de cartazes, que  João Eduardo, de 8 anos, fez com desenhos de Lola, para tentar encontrá-la.

Ana Lucia Fagundes, uma estudante de 17 anos, contou que ficou sensibilizada, ao passar pela rua e ver o singelo cartaz feito com canetinha e lápis de cor, com traços infantis, colado em um poste em busca do bichinho de estimação.

Ela então fotografou e publicou em suas redes sociais, e como esperado, muitas pessoas também foram tocadas pelo gesto do pequeno.

“Tem um garotinho colando isso em vários postes aqui do bairro! Ele fez tudo a mão e está muito triste atrás da gatinha. Se alguém achar um gatinho laranja aqui pela Escola Agrícola/Água Verde (Blumenau) , por favor entrar em contato comigo!”, escreveu nas redes sociais.

A família do menino foi até a casa de Ana Lucia conhecer a jovem e agradecer pessoalmente pela ajuda.

Clareana Siebert, mãe do João, contou que a gatinha está na família há 4 anos, e que eles estão muito tristes com o desaparecimento.

“Ele ficou realmente muito triste quando percebeu que a Lola não voltou. Notamos que ela tinha desaparecido na noite de sábado, mas pensamos que ela tinha apenas ido dar um passeio, ela é uma fujona. Mas, desta vez ela não voltou. No domingo, ele resolveu fazer os desenhos e fomos durante a tarde a pé colando nos postes do bairro”, disse.

A mãe de João disse que ele usou uma foto antiga da Lola como inspiração, já que a foto que tinham estava desatualizada. “Quando a Lola fugiu estava com a pelagem tosada no corpo. A carinha, as patinhas e o rabo estão peludinhos”, afirmou.

João ainda não desistiu de encontrar sua gatinha e continua fazendo cartazes e distribuindo pelas ruas.

“Ela é muito arisca e foge de quem não conhece. Queremos muito encontrar a Lola e trazer ela pra casa”, finaliza a mãe.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Ana Richa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Pessoas começam a ver demônios depois de assistir novo filme de terror da Netflix

Conheça a história de Nina, a cadelinha que se recusou a desistir de sua mamãe com câncer