in ,

Como Fazer um Arroz Carreteiro Completo e Delicioso

Como Fazer um Arroz Carreteiro Completo e Delicioso

O arroz carreteiro é um prato típico da culinária brasileira, que surgiu como uma forma de aproveitar as sobras de carne seca e charque dos tropeiros que viajavam pelo interior do país. É uma receita simples, mas muito saborosa e nutritiva, que pode ser servida como prato principal ou acompanhamento. Neste artigo, você vai aprender como fazer um arroz carreteiro completo, com dicas para deixá-lo mais gostoso e variar o cardápio. Confira!

O que é Arroz Carreteiro?

O arroz carreteiro é um prato feito com arroz cozido na água do cozimento da carne seca ou charque, que é desfiada e refogada com temperos como alho, cebola, cheiro-verde e pimenta. O nome vem do fato de que os carreteiros, que eram os condutores de carroças que transportavam mercadorias pelo Brasil, costumavam preparar essa receita nas suas viagens, usando os ingredientes que tinham à disposição. O arroz carreteiro é considerado um dos símbolos da gastronomia gaúcha, mas também é popular em outros estados, como Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso.

Como Fazer um Arroz Carreteiro Completo e Delicioso

Como Fazer Arroz Carreteiro Completo?

Para fazer um arroz carreteiro completo, você vai precisar de:

  • 500 g de carne seca ou charque
  • 4 xícaras de água
  • 2 xícaras de arroz
  • 4 colheres de sopa de óleo
  • 4 dentes de alho picados
  • 1 cebola picada
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • Cheiro-verde picado a gosto

O modo de preparo é o seguinte:

  1. Deixe a carne seca ou charque de molho na água por pelo menos 12 horas, trocando a água algumas vezes, para dessalgar.
  2. Cozinhe a carne na panela de pressão por cerca de 40 minutos, ou até ficar macia. Reserve a água do cozimento e desfie a carne.
  3. Em uma panela grande, aqueça o óleo e refogue o alho e a cebola até dourarem.
  4. Acrescente a carne desfiada e tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto. Refogue por alguns minutos, mexendo bem.
  5. Adicione o arroz e misture com a carne. Despeje a água do cozimento da carne, que deve estar quente, até cobrir o arroz. Se necessário, acrescente mais água fervente.
  6. Tampe a panela e cozinhe em fogo baixo até o arroz ficar macio e soltinho, mexendo de vez em quando para não grudar no fundo.
  7. Finalize com cheiro-verde picado e sirva em seguida.

A Origem do Arroz Carreteiro

A origem do arroz carreteiro está ligada à história dos tropeiros, que eram os homens que conduziam as tropas de mulas ou bois pelo interior do Brasil, levando mercadorias entre as regiões produtoras e consumidoras. Esses viajantes enfrentavam longas jornadas, muitas vezes sem acesso a alimentos frescos ou variados. Por isso, eles levavam consigo produtos que duravam mais tempo, como o arroz, o feijão, a farinha de mandioca e a carne seca ou charque.

A carne seca ou charque era uma forma de conservar a carne bovina, que era salgada e exposta ao sol até secar. Essa técnica foi trazida pelos portugueses para o Brasil, mas se popularizou principalmente no Rio Grande do Sul, onde havia uma grande produção de gado. A carne seca ou charque era usada como moeda de troca pelos tropeiros, que também a consumiam nas suas refeições.

O arroz carreteiro surgiu como uma forma de aproveitar as sobras da carne seca ou charque, que era cozida na água e depois desfiada. Essa carne era refogada com temperos e misturada com o arroz, que era cozido na mesma água da carne, para absorver o seu sabor. O resultado era um prato simples, mas muito nutritivo e saboroso, que saciava a fome dos carreteiros.

Mais 3 Receitas com Carne Seca ou Charque

Se você gostou do arroz carreteiro, que tal experimentar outras receitas com carne seca ou charque? Veja algumas sugestões:

  • Escondidinho de Carne Seca: um prato típico da culinária nordestina, que consiste em uma camada de purê de mandioca ou batata, coberta com uma camada de carne seca desfiada e refogada com temperos, e finalizada com queijo ralado e levada ao forno para gratinar. Uma delícia!
  • Bolinho de Arroz com Carne Seca: uma ótima opção para aproveitar as sobras de arroz e carne seca. Basta misturar o arroz cozido com a carne seca desfiada, ovos, farinha de trigo, cheiro-verde e sal. Depois, é só modelar os bolinhos e fritar em óleo quente. Fica crocante por fora e macio por dentro.
  • Salada de Feijão Fradinho com Carne Seca: uma salada leve e refrescante, que pode ser servida como entrada ou acompanhamento. É feita com feijão fradinho cozido e escorrido, carne seca desfiada, tomate picado, cebola roxa picada, coentro picado, azeite, vinagre, sal e pimenta-do-reino. Uma combinação perfeita de sabores!

Dúvidas Comuns sobre Arroz Carreteiro

Você ainda tem alguma dúvida sobre como fazer arroz carreteiro? Veja as respostas para algumas perguntas frequentes:

  • Posso usar outro tipo de carne no arroz carreteiro? Sim, você pode usar outros tipos de carne no arroz carreteiro, como carne moída, linguiça, bacon, frango ou até mesmo peixe. O importante é que a carne esteja bem temperada e refogada antes de misturar com o arroz.
  • Posso usar outro tipo de arroz no arroz carreteiro? Sim, você pode usar outros tipos de arroz no arroz carreteiro, como o arroz integral, o arroz parboilizado ou o arroz arbóreo. O tempo de cozimento pode variar de acordo com o tipo de arroz escolhido, por isso fique atento ao ponto do grão.
  • Posso congelar o arroz carreteiro? Sim, você pode congelar o arroz carreteiro por até 3 meses em um recipiente bem fechado. Para descongelar, basta levar ao micro-ondas ou ao forno até aquecer bem. Se necessário, acrescente um pouco de água para soltar o arroz.

Conclusão

O arroz carreteiro é um prato delicioso e fácil de fazer, que pode ser servido em qualquer ocasião. Você aprendeu como fazer um arroz carreteiro completo, com dicas para deixá-lo mais gostoso e variar o cardápio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Frango à parmegiana de frigideira

Frango à parmegiana de frigideira

Filé mignon ao molho madeira

Filé mignon ao molho madeira