Bebê morre após ser agredido por sua mãe adotiva

O pequeno  Fabian Garcia, de apenas 3 anos que nasceu no Havai, foi encontrado inconsciente na casa de sua mãe adotiva nos Estados Unidos.

O bebê estava deitado de bruços sobre o próprio vômito, quando foi resgatado pelos socorristas no dia 25 de julho de 2017.

Ele chegou a ser encaminhado ao Hospital Comunitário do Norte do Havaí, mas faleceu cerca de uma hora depois de chegar a unidade de saúde em decorrência dos ferimentos causados pelas agressões da própria mãe.

Chasity Alcosiba de 45 anos, alegou as autoridades que os ferimentos no corpo do pequeno teriam sido causados por uma queda, mas a equipe médica atestou que as escoriações não eram compatíveis com queda e sim com violência.

Somente agora a mulher esta respondendo pela morte do pequeno.

No laudo foi apontado o seguinte:

“A morte do Fabian ocorreu após meses de abuso e diversas notificações de suspeita de abuso infantil que foram ignoradas”.

Os pais biológicos do menino agora lutam na justiça por uma indenização pelo que aconteceu ao filho. O motivo pelo qual eles perderam a guarda da criança não foi revelado.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Ana Richa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Bebê menino morre após apanhar da mãe por ter feito cocô na fralda

Bebê que teve nome negado por cartório, é registrada após ordem judicial