Bebê menino morre após apanhar da mãe por ter feito cocô na fralda

- Anúncio -

Mais um caso chocante de violência contra um bebê de apenas um ano de idade que acabou com a morte da criança em decorrência das agressões desferidas pela própria mãe, e o motivo é ainda mais absurdo.

O bebê foi agredido por ter feito cocô na fralda, algo que é normal nessa fase da vida de uma criança.

Trinity Pittman, 23 anos, mãe de Perry, morava com ele na Georgia nos Estados Unidos, e confessou as agressões.

- Anúncio -

No dia 25/10 a mulher levou o bebê a uma emergência hospitalar, alegando que o seu filho havia caído enquanto brincava em um trampolim.

Mas devido a hemorragias abdominais e pulmonares os médicos desconfiaram que as lesões não eram compatíveis com a alegação da mãe e realizaram mais exames, confirmando que ele tinha diversas escoriações em seu corpinho.

A equipe médica chamou as autoridades e Trinity e seu namorado Jeremy Davis, 24 anos, foram interrogados e ela acabou confessando.

Ela contou que agrediu o filho diversas vezes e que na última, ele caiu e bateu com a cabeça muito forte no chão.

Depois de agredir o filho, ela o deixou com o namorado, dizendo a ele que o bebê tinha caído do trampolim, e foi trabalhar.

Algum tempo depois o namorado ligou para ela dizendo que o pequeno não respirava direito, ela então retornou para casa e o levou ao hospital.

Os médicos fizeram o que podiam, mas era tarde e o menino morreu no mesmo dia.

- Anúncio -

A mulher está presa, tinha outra filha de 4 anos, que esta sob cuidados de familiares.

- Anúncio -

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by Ana Paula

Jornalista de profissão, e redatora por vocação. Escrevo com prazer tentando passar em palavras, emoções que possam tocar a vida das pessoas. Nas horas vagas mamãe de gatos e degustadora de cafés, que são meus grandes amores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Noiva de Lucas Lucco tem útero perfurado após sofrer aborto e desabafa

Bebê morre após ser agredido por sua mãe adotiva