in

Sabrina Sato é mãe após 24 horas de trabalho parto; médico explica quando é hora de fazer cesárea

- Anúncio -

A apresentadora que desejava parto normal humanizado precisou de recorrer a cesárea

Zoe, filha dos famosos Sabrina Sato e Duda Nagle, nasceu na tarde da última quinta-feira (29), depois de 24 horas de trabalho de parto.

A bolsa de Sabrina rompeu um dia antes, na quarta-feira (28), e os médicos explicam que apesar de casos assim não serem comuns podem acontecer.

- Anúncio -

“Em 41 semanas eles emanaram amor e muita determinação. Hoje um grande sonho se realiza, um novo futuro e grandes transformações”, escreveu a assessoria da apresentadora no Instagram. “Nasce uma mãe, um pai e uma família. A Zoe chegou!”

Alexandre Pupo Nogueira, ginecologista e obstetra do hospital Albert Einstein, em São Paulo, explicou que o que aconteceu com Sabrina não é habitual. Ela chegou em apenas  centímetros de dilatação.

“A bolsa geralmente rompe quando a mãe já está com 6 a 8 centímetros de dilatação, mas, quando ela estoura antes, o médico tem que fazer uma série de avaliações para ver se é viável o parto natural”, disse Nogueira.

“E o que a gente avalia? A gente checa a saúde do bebê dentro do útero. Depois, nós avaliamos o cólo do útero para ver se ele tem condições favoráveis para a indução do trabalho de parto natural”.

“No cenário de uma bolsa rota prematura, antes de entrar em trabalho de parto, em que você vai precisar induzir, a gente acaba usando alguma substância que provoque a contração uterina. Você pode usar a ocitocina, ou outra substância que estimule as contrações”.

- Anúncio -

“A mãe precisa ter uma evolução normal do parto. E aí eu entro em uma situação como médico em que é difícil de conseguir avaliar o caso da Sabrina, porque não vivenciei o parto dela em particular. Uma indução em trabalho de parto pode demorar bastante tempo, até 24h. No caso de ruptura da bolsa, para evitar contaminação do bebê, os médicos consideram 18h a 24h o limite para a cesárea”.

De acordo com o médico, a duração do parto normal é em média de 8 a 12 horas na primeira gravidez, mas não é a regra.

Sinais de perigo segundo a cartilha da Organização Mundial de Saúde

Mãe

  • Se a bolsa estourou e não há trabalho de parto após 6 horas
  • Dores do parto continuam mais de 12 horas
  • Perda exagerada de sangue
  • Placenta não expelida 1 hora após o nascimento do bebê

Bebê

  • Dificuldade de respiração (sem chorar na hora do nascimento)
  • Não está disposto a amamentação
  • Febre maior que 38ºC ou temperatura abaixo de 35,5ºC
  • Peso menos do que 1,500 gramas ou nascimento antes das 32 semanas
  • Convulsões
  • Perda excessiva de sangue

- Anúncio -

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by Ana Paula

Jornalista de profissão, e redatora por vocação. Escrevo com prazer tentando passar em palavras, emoções que possam tocar a vida das pessoas. Nas horas vagas mamãe de gatos e degustadora de cafés, que são meus grandes amores.

Mãe de Duda Nagle mostra rosto de Zoe pela 1ª vez em foto e seguidores piram

Bolsonaro recebe assessor de Trump com ‘café na caneca da Frozen e danoninho’