in , ,

Receita de Doce de Sagú

Receita de Doce de Sagú

O doce de sagú é uma sobremesa típica da culinária brasileira, feita com pequenas bolinhas de fécula de mandioca cozidas em água e açúcar, e aromatizadas com cravo, canela e vinho tinto. É uma receita simples, mas que requer alguns cuidados para ficar perfeita. Neste artigo, você vai aprender o que é o sagú, como fazer a receita, a origem dessa delícia, e mais três receitas usando o mesmo ingrediente principal. Confira!

O que é o sagú?

O sagú é um produto extraído da mandioca, uma raiz muito consumida no Brasil e em outros países tropicais. A mandioca é rica em amido, um tipo de carboidrato que fornece energia para o organismo.

O sagú é obtido a partir da raspagem e lavagem da mandioca, que resulta em um líquido leitoso chamado manipueira. Esse líquido é deixado em repouso para que o amido se deposite no fundo do recipiente. Depois, o amido é seco e peneirado, formando pequenos grânulos brancos.

O sagú é usado como espessante em sopas, molhos e pudins, mas também pode ser cozido em água e açúcar para fazer uma sobremesa gelatinosa e refrescante. O sagú tem um sabor neutro, por isso pode ser combinado com diferentes ingredientes, como frutas, leite condensado, coco, chocolate, entre outros.

Receita de Doce de Sagú

Como fazer doce de sagú?

Para fazer doce de sagú, você vai precisar de:

  • 1 xícara (chá) de sagú
  • 4 xícaras (chá) de água
  • 1 xícara (chá) de açúcar
  • 4 cravos-da-índia
  • 2 paus de canela
  • 1 xícara (chá) de vinho tinto seco

O modo de preparo é o seguinte:

  1. Lave o sagú em água corrente e escorra bem.
  2. Em uma panela, coloque o sagú, a água, o açúcar, os cravos e a canela. Leve ao fogo médio e cozinhe, mexendo de vez em quando, até que as bolinhas fiquem transparentes. Isso pode levar cerca de 30 minutos.
  3. Adicione o vinho tinto e misture bem. Cozinhe por mais 10 minutos, ou até que o caldo fique encorpado.
  4. Desligue o fogo e transfira o doce para uma travessa ou taças individuais.
  5. Leve à geladeira até ficar bem gelado.
  6. Sirva puro ou acompanhado de creme de leite fresco.

Qual é a origem do doce de sagú?

O doce de sagú é uma adaptação brasileira do sagu com leite, uma receita tradicional da culinária indonésia. O sagu com leite é feito com leite de coco e açúcar mascavo, e servido quente ou frio. Os indonésios usam o sagu como fonte de energia e como remédio para problemas digestivos.

Acredita-se que o doce de sagú tenha sido introduzido no Brasil pelos portugueses, que trouxeram a mandioca da América do Sul para a Ásia no século XVI. Os portugueses também foram os responsáveis por trazer o vinho tinto para o Brasil, que passou a ser usado para dar cor e sabor ao doce.

O doce de sagú se popularizou no sul do Brasil, especialmente no Rio Grande do Sul, onde é chamado de sagu de vinho. É uma sobremesa típica das festas juninas e dos churrascos gaúchos.

Quais são outras receitas com sagu?

Se você gostou do doce de sagú, pode experimentar outras receitas com esse ingrediente versátil. Veja algumas sugestões:

  • Sagu com abacaxi: Cozinhe o sagu em água e açúcar, como na receita anterior, mas sem o vinho. Depois de pronto, misture com pedaços de abacaxi em calda e leve à geladeira. Sirva com creme de leite ou chantilly.
  • Sagu com coco: Cozinhe o sagu em leite e açúcar, como na receita indonésia, mas sem o açúcar mascavo. Depois de pronto, misture com leite de coco e coco ralado. Leve à geladeira e sirva polvilhado com mais coco ralado.
  • Sagu com chocolate: Cozinhe o sagu em água e açúcar, como na receita anterior, mas sem o vinho. Depois de pronto, misture com chocolate meio amargo derretido e leve à geladeira. Sirva com morangos picados ou raspas de chocolate.

Quais são as dúvidas comuns sobre o doce de sagú?

Algumas dúvidas que podem surgir na hora de fazer o doce de sagú são:

  • Como escolher o sagu? O sagu pode ser encontrado em supermercados, lojas de produtos naturais ou feiras livres. Prefira o sagu que tenha grânulos uniformes e sem manchas. Evite o sagu que esteja úmido ou mofado.
  • Como lavar o sagu? O sagu deve ser lavado em água corrente para retirar o excesso de amido e evitar que ele grude na panela. Você pode usar uma peneira ou um escorredor para facilitar o processo.
  • Como saber se o sagu está cozido? O sagu está cozido quando as bolinhas ficam transparentes e macias, mas sem se desmanchar. Se elas ainda estiverem brancas e duras no centro, é preciso cozinhar mais um pouco. Se elas se desfizerem, é porque cozinhou demais.
  • Como conservar o doce de sagú? O doce de sagú deve ser conservado na geladeira, em um recipiente fechado, por até 3 dias. Você pode congelar o doce por até 3 meses, mas ele pode perder um pouco da textura.

Conclusão

O doce de sagú é uma sobremesa fácil e deliciosa, que pode ser feita com diferentes ingredientes e sabores. Você aprendeu o que é o sagú, como fazer a receita tradicional com vinho tinto, a origem dessa delícia, e mais três receitas usando o mesmo ingrediente principal. Agora é só escolher a sua preferida e se deliciar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira Essas Dicas para Fazer Escondidinho de Carne Moída com Requeijão

Confira Essas Dicas para Fazer Escondidinho de Carne Moída com Requeijão

Batata Calabresa: Dicas de Preparo

Batata Calabresa: Dicas de Preparo