in , , ,

Receita de Biscoito de Polvilho: 5 Motivos para Você provar

Receita de Biscoito de Polvilho: 5 Motivos para Você provar

Biscoito de polvilho é um petisco típico da culinária brasileira, que pode ser encontrado em padarias, supermercados e até em feiras livres. O biscoito de polvilho é crocante, leve e saboroso, e pode ser feito de duas formas: assado ou frito. Além disso, ele tem vários benefícios para a sua saúde e para o seu paladar. Quer saber quais são? Então confira os 5 motivos para você experimentar o biscoito de polvilho a seguir!

O que é o Polvilho e por que ele é um Ingrediente Saudável?

O polvilho é uma farinha fina e branca, que é extraída da mandioca, uma raiz originária da América do Sul. Existem dois tipos de polvilho: o azedo e o doce. O polvilho azedo passa por um processo de fermentação natural, que lhe confere um sabor mais ácido e uma textura mais aerada. Já o polvilho doce não sofre fermentação, sendo mais neutro e mais compacto.

O polvilho é um ingrediente saudável porque não contém glúten, uma proteína presente no trigo e em outros cereais, que pode causar reações alérgicas ou inflamatórias em algumas pessoas. Além disso, o polvilho é rico em amido resistente, um tipo de carboidrato que não é digerido pelo organismo, mas que ajuda a regular o trânsito intestinal, a controlar os níveis de açúcar no sangue e a aumentar a sensação de saciedade. O polvilho também contém fibras, cálcio, fósforo e vitaminas do complexo B.

Receita de Biscoito de Polvilho: 5 Motivos para Você provar

Como Fazer um Biscoito de Polvilho?

Para fazer um biscoito de polvilho, você vai precisar dos seguintes ingredientes:

  • 500 g de polvilho azedo ou doce
  • 250 ml de água
  • 250 ml de leite
  • 150 ml de óleo vegetal
  • 3 ovos
  • Sal a gosto

O modo de preparo é muito simples:

  • Em uma panela, leve ao fogo a água, o leite, o óleo e o sal até ferver.
  • Em uma tigela, coloque o polvilho e despeje a mistura fervente sobre ele, mexendo bem com uma colher de pau até formar uma massa homogênea.
  • Deixe a massa esfriar um pouco e acrescente os ovos um a um, misturando bem com as mãos até obter uma massa lisa e macia.
  • Coloque a massa em um saco de confeitar com um bico liso ou estrelado e faça tiras ou rosquinhas sobre uma assadeira untada com óleo.
  • Leve ao forno pré-aquecido a 200°C por cerca de 20 minutos ou até que os biscoitos estejam dourados e crocantes.
  • Retire do forno e deixe esfriar sobre uma grade antes de servir.

Qual é a Origem do Biscoito de Polvilho?

O biscoito de polvilho é uma receita tradicional da culinária brasileira, especialmente das regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul do país. Ele tem origem na influência indígena, portuguesa e africana na formação da nossa gastronomia. Os índios já usavam o polvilho para fazer pães e bolos antes da chegada dos colonizadores europeus. Os portugueses introduziram os ovos e o sal na elaboração dos biscoitos. E os africanos trouxeram o óleo vegetal para fritar os biscoitos.

O biscoito de polvilho é uma receita que representa a simplicidade e a criatividade do nosso povo, que soube aproveitar os recursos naturais disponíveis. Ele é um biscoito que pode ser consumido em qualquer hora do dia, como café da manhã, lanche da tarde ou acompanhamento das refeições.

Quais são Outras Receitas que Usam o Polvilho como Ingrediente Principal?

Se você gostou do biscoito de polvilho, que tal experimentar outras receitas que usam o polvilho como ingrediente principal? Aqui estão algumas sugestões:

  • Chipa: uma receita típica do Paraguai, que consiste em rosquinhas de massa feitas com polvilho doce, queijo parmesão e ovos, assadas no forno até ficarem crocantes e saborosas.
  • Cuscuz de tapioca: uma receita típica da Bahia, que consiste em um pudim gelado feito com tapioca granulada, que é um tipo de polvilho doce hidratado com leite de coco, açúcar e coco ralado.

Quais são as Dúvidas Mais Comuns sobre o Biscoito de Polvilho?

Você ainda tem alguma dúvida sobre o biscoito de polvilho? Então confira as respostas para as perguntas mais frequentes sobre esse tema:

  • Qual é a diferença entre o biscoito de polvilho assado e o frito? A diferença entre o biscoito de polvilho assado e o frito está no modo de preparo e no resultado final. O biscoito de polvilho assado é mais leve e aerado, enquanto o frito é mais denso e gorduroso. O biscoito de polvilho assado também é mais saudável, pois não leva óleo na sua composição, apenas na untura da forma. Já o frito leva óleo na massa e na fritura, o que aumenta o seu valor calórico e pode prejudicar a sua saúde.
  • Posso usar outros tipos de queijo na receita do biscoito de polvilho? Sim, você pode usar outros tipos de queijo na receita do biscoito de polvilho, desde que sejam queijos ralados ou picados, que derretam bem no forno. Alguns exemplos são: muçarela, provolone, gorgonzola, cheddar ou parmesão. Você pode usar um único tipo de queijo ou misturar vários para obter um sabor mais variado.
  • Posso congelar o biscoito de polvilho depois de pronto? Sim, você pode congelar o biscoito de polvilho depois de pronto, desde que ele esteja completamente frio. Embale-o bem em sacos plásticos ou potes herméticos e guarde-o no freezer por até 3 meses. Para descongelar, leve-o ao forno ou ao micro-ondas por alguns minutos até que ele fique crocante novamente.

Conclusão

O biscoito de polvilho é uma receita simples, gostosa e saudável, que pode ser feita com poucos ingredientes e em pouco tempo. O polvilho é um alimento sem glúten e rico em amido resistente, que traz benefícios para a sua digestão e para o seu metabolismo. Você pode fazer o biscoito de polvilho assado ou frito, e ainda variar o sabor com diferentes tipos de queijo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bolo de Mandioca de Liquidificador sem Trigo, sem Açúcar e sem Leite

Bolo de Mandioca de Liquidificador sem Trigo, sem Açúcar e sem Leite

6 Segredos para Fazer uma Torta de Carne Moída Perfeita

6 Segredos para Fazer uma Torta de Carne Moída Perfeita