Mulher vence câncer após ser abandonada por marido no momento mais difícil da vida: “Ele foi fraco”

“Fomos ao médico. No quinto dia, levei o resultado no mastologista e tive o diagnóstico. Ali meu mundo desabou”.

Angustiada ao saber da doença, a mulher entrou em contato com o ex marido buscando apoio e refúgio, mas a reação dele foi arrasadora para Caroline.

“Ele não queria me ajudar. Comecei a desconfiar. Disse a ele que eu deveria fazer o tratamento, mas ti“Ele disse que ninguém ia me querer, que eu ia ficar careca e mutilada”, disse a jovem.

É fundamental fazer os exames preventivos regularmente conforme os profissionais de saúde orientam, mas o que se espera e deseja é estar bem de saúde. Infelizmente nem sempre é assim, os resultados podem ser mais complicados.

Quando o médico informa, que o paciente está com câncer, para quem recebe a notícia, naquele momento soa como uma sentença de morte, mesmo tendo ouvido falar dos avanços da ciência, não é fácil lidar com tal realidade. Tudo o que o paciente precisa nesse momento é de tempo para digerir a situação e informações sobre as chances de ser curado com o tratamento.

Caroline Alencar, 36 anos, viveu o momento mais difícil de sua vida, a história de superação foi publicada no jornal carioca Extra, no início do ano. Internautas estão indignados com tamanha crueldade e insensibilidade do marido.

Fragilizada pela doença, acreditando contar com o apoio do marido, Caroline recebeu outro golpe emocional, ela foi humilhada pelo companheiro, que não teve nenhuma compaixão.

 “Ele disse que ninguém ia me querer, que eu ia ficar careca e mutilada, mas há homens que não são que nem ele e que só mostram o quanto ele foi fraco”, disse ela ao ser entrevistada.

Confira o desabafo de Caroline; “Estou feliz por tudo o que ocorreu, foi positivo. Deus me livrou daquele homem, me mostrou que nunca precisei dele pra nada. Graças a Deus estou curada, com um pensamento diferente, sou uma nova mulher, estou bem”.

A história dessa mulher guerreira começou em 2015, após ter notado uma alteração no seio, Caroline saiu de sua cidade em Fortaleza para fazer ir ao médico em Alagoas. O mastologista pediu exames e teve o diagnóstico comprovado nha minha casa, meu trabalho. E ele respondeu: ‘Se você quiser voltar, volte com sua mãe, porque eu não posso parar a minha vida’”, contou ela.

Sem condições financeiras para o tratamento, recebeu toda a pequena ajudá da família e conforto. Uma irmã foi fundamental em todo o processo.

Nas idas e vindas do hospital, o então marido pediu divórcio. “Meu psicológico já estava abalado por causa da doença e ainda veio o abandono do marido”, contou ela.

“Isso foi livramento de Deus. O que mais me deixou triste foram as atitudes dele. Isso me enojou […] Deus me mostrou que às vezes a doença vem e não é por mal, é para mudar a vida. Eu nunca perguntei: ‘Por que comigo, Deus?’”, completou.

Caroline venceu o câncer e agora vive uma nova fase da vida.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇