Mãe insiste em levar gestação até 45 semanas e bebê não resiste

- Publicidade -

A mulher recusou a indicação de fazer a indução do parto e a criança acabou morrendo em seu ventre.

- Publicidade -

A própria mulher que mora no Havaí, nos Estados Unidos, contou ao site Kidspot, que recusou a orientação de sua doula, desde a 43° semana de induzir o parto, já que ela não tinha contrações.

- Publicidade -

Ela disse que não quis aceitar a sugestão, depois de pedir conselhos e opiniões em um grupo do facebook, que é composto apenas por mães e gestantes.

Ela então decidiu que esperaria até a 45° semana, mas quando chegou esse dia, ela expeliu um mecônio já muito escuro e precisou procurar um hospital.

- Publicidade -
- Publicidade -

Os médicos então descobriram que a criança não tinha mais batimentos cardíacos. A mãe foi submetida a uma epidural e seu filho nasceu morto.

Esse fato reforça a importância de fazer um bom pré-natal e estar sempre sendo acompanhada por profissionais capacitados.

- Publicidade -

- Publicidade -

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -