in

Filha posta foto do pai triste por fracasso nas vendas, imagem viraliza e gera onda de solidariedade

- Anúncio -

O desabafo de uma jovem de 16 anos feito no Twitter sobre o pai de 51, comoveu a web gerando uma rede de solidariedade.

Natália Cristina dos Santos é a jovem que postou a foto do pai, Agrinaldo dos Santos, ele estava desolado, sentado na Praça do Sossego, no bairro Pantanal, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense do Rio de Janeiro. O motivo de tanta frustração, foi não ter conseguido vender nenhum dos salgados e bolos. que levou para vender.

Era o primeiro dia em que o pai, antes empolgado, para começar seu novo negócio e sustentar a família, levando dinheiro para casa honestamente, se tornou uma grande frustração para Agrinaldo.

- Anúncio -

A filha escreveu no post; “Hoje foi nosso primeiro dia na pracinha perto da nossa casa vendendo, e na foto de cima, é ele pensativo por não ter vendido nada”.

A foto que a filha tirou do pai triste na praça, com a legenda, viralizou na internet, rapidamente, o pai de Natália ficou conhecido e sua história ganhou novos rumos.

O pai de Natália foi funcionário de uma empresa de ônibus, trabalhando como cobrador por 4 anos e meio, mas em janeiro desse ano ele foi dispensado. Com o valor recebido da rescisão, Agrinaldo quis começar um negócio que, na verdade sempre foi para ele um sonho, ter uma padaria, por isso comprou os equipamentos para produzir e vender bolos e salgados na rua.

“Era para ser uma padaria, mas comprei o maquinário errado. Então, resolvi mudar para venda de lanches. Pensei que fosse vender os cem salgados no primeiro dia, mas as pessoas passavam para lá e para cá e não compravam nada. Bateu a tristeza”, disse Agrinaldo.

A filha contou como foi a reação dos internautas após o post; ”Uma hora depois, já eram mais de 3,5 mil compartilhamentos. No dia seguinte de manhã, mais de 20 mil. Era absurda a quantidade de comentários, de pessoas dando força. Até o Whindersson Nunes e a Maisa compartilharam.”

- Anúncio -

No dia seguinte, quando o pai voltou a praça para tentar vender sua mercadoria, por volta das duas da tarde, uma senhora estacionou o carro e disse ter tomado conhecimento da história pode uma amiga que mora em Dubai e viu na internet.

“Ela veio de Niterói e comprou R$ 100 em bolos e salgados. Depois que ela foi embora, a gente teve que correr para fazer mais salgados e vender na praça à noite”, contou Agrinaldo.

- Anúncio -

Nos três dias que seguintes as vendas foram um sucesso, todos que compravam queriam fotos, Agrinaldo vendeu mais de 300 salgados e as vendas só aumentam.

A filha também vende na escola, doces e salgados, ela está criando o Lanche Solidário para ajudar pessoas sem teto doando salgados. twitter é @na_telia.

“Herdei essa garra dos meus pais. Quando escrevi o tuíte, queria que as pessoas fossem lá na praça para comprar os salgados. Agora, queremos ajudar outras pessoas”, disse a filha de Agrinaldo.

Foto: reprodução

Fonte: Extra


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Eduardo Bolsonaro deixa Alvorada usando máscara cirúrgica descartável

Mães fazem “mamadeiras soníferas” para seus bebês e geram indignação