in , ,

Desempregado, vendedor não consegue pagar aluguel e vai morar em um carro, mas não deixa seu melhor amigo para trás

- Anúncio -

“Ele é o único que tem cama, eu tenho um colchão para ele. A minha é só um cobertor”, contou Fernando, que encontrou Bolt quase morto e decidiu adotá-lo.

A triste realidade de animais que são abandonados por seus donos, assim como muitos são vítimas de maus tratos. Muitos cidadãos todos os dias se posicionam em defesa dos animais e denunciam atos de abusos que os pets sofrem, infelizmente não é raro, acontece todos os dias em todas as regiões.

Um grande exemplo de doação, amor e respeito para com os animais merece ser divulgado. Trata-se da história de uma pessoa que perdeu tudo, ficou desabrigado, mas não abandonou seu amigão de 4 patas.

Fernando Junqueira é vendedor, mas viu sua vida, que antes era próspera, mudar para uma situação extremamente crítica. Ele ficou desempregado, Passados alguns meses faltou o dinheiro para pagar o aluguel da casa, então teve que tomar uma decisão radical, deixar o local onde morava. Passou a viver dentro do carro, um Honda Civic 2002, que demorou a conquistar.

- Anúncio -

Para evitar despesas, Fernando não tirou mais o automóvel do lugar, pois implica despesas com combustível entre outras necessidades de manutenção com o uso. O carro que virou seu teto, não abrigou somente o vendedor, ele não deixou para trás seu animal de estimação, Bolt. O bichinho estava a beira da morte quando Fernando o encontrou em situação crítica na beira da rua. Desde então, foram 2 anos convivendo juntos na casa, ele jamais abandonaria aquele bichinho companheiro e disse: “É como um filho”.

- Anúncio -

Sem conseguir emprego desde 2014, a situação financeira de Fernando Junqueira chegou ao fundo do poço. A falta de recursos é terrível, mesmo assim ele usa de todas as forças para não desistir acreditando que um dia estará melhor.

O carro do vendedor serve de casa para ele, Bolt e o irmão gêmeo, onde tem que caber lençol, cobertor, utensílios de cozinha e higiene, tudo dentro de um carro.  Fernando não abre mão dos cuidados com o cão, o pouco que consegue ele tenta suprir as necessidades e regalias do amigo. “Ele é o único que tem cama, eu tenho um colchão para ele. A minha é só um cobertor”, contou o vendedor, “A gente nunca desiste, vamos em frente que o sucesso vem”.

Sem emprego, vendedor vai morar dentro do carro e leva cachorro junto em CampinasO veículo modelo Honda Civic 2002…

Gepostet von CRN – Central de Rádio e Notícias am Donnerstag, 6. Dezember 2018

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Tudo em família: filha de Maurício Mattar é cunhada do ator Malvino Salvador

Caminhar emagrece, reduz desejo por doce, combate depressão e mais: veja benefícios que se pode ter gratuitamente