in ,

Depois de abandonar sua filha no leito em estado terminal, Pelé não consegue mais andar

- Anúncio -

Muita gente ficou indignada com a atitude de Pele quando sua filha estava internada no hospital em estado terminal, vítima de uma grave doença. Ela queria na época, ver o pai antes de morrer. Sua súplica foi acompanhada pelos noticiários, mas de nada adiantou, ela partiu sem ter realizado o sonho de falar com o “Rei do Futebol’, Edson Arantes do Nascimento.

A filha de Pele, Sandra, lutou para ter o reconhecimento do pai, para isso ele acionou a Justiça para conseguir realizar o exame de DNA, pois ele se recusava. Após os resultados do exame, ficou provado que ela de fato era filha de Pele.

Mesmo diante das provas oferecidas pela ciência, ele não aceitou tê-la como filha. Uma atitude que surpreendeu o público, ninguém conseguia entender o que levava Pele a nem sequer aceitar uma aproximação.

- Anúncio -
- Anúncio -

No início, muito se falou se todo o barulho não seria por conta da fortuna do craque, mas Sandra sempre procurou deixar claro nas entrevistas e declarações, que o sonho dela era receber o carinho do pai biológico e não queria o dinheiro dele, apenas os vínculos de pai e filha ela dizia ser o mais importante. Para provar que não tinha interesse no dinheiro, ela abriu mão de pensão.

Em meio a tantas emoções, exposição pública e tudo o mais, Sandra escreveu um livro sobre uma filha que o rei não queria conhecer.

O tempo passou, e depois de tantos anos da morte de Sandra, o que se tem notícia e de que o “Rei do Futebol’ sofre com problemas de saúde que o impede de andar, está solitário e tendo que se afastar dos eventos esportivos e de outros que costumava participar.

Quando a imagem dele em uma cadeira de rodas vazou na web, não faltaram comentários por parte das pessoas que acompanharam todo o drama da filha que faleceu em 2006.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Ser uma “mãe chata” faz filhos crescerem mais bem-sucedidos, diz estudo

Bebê morre em hospital da grande Porto Alegre (RS) após receber leite na veia