in

ASSUSTADOR! Você não vai acreditar no que saiu dessa unha até ver isso: parece mentira

Você verá cenas chocantes  de um vídeo assustador e não vai acreditar no que saiu da unha até ver isso: parece mentira, até meio assustador. Você não vai acreditar no que saiu dessa unha até ver isso, parece mentira

 

Mas antes, pense em algo estranho e aparentemente inacreditável, descoberto  durante um procedimento de tratamento de unhas. 

 

O mais impressionante é que deixa todo mundo que assiste, surpreso e indignado com  algo emergindo, provocando fortes reações.

 

Recentemente, tem havido uma grande demanda por vídeos mostrando como remover unhas encravadas de inúmeras pessoas ao redor do mundo. Afetando muitas pessoas, a condição  causa muita preocupação e sua remoção é essencial para a saúde das unhas.

 

Conhecida cientificamente como onicocripose, ou unha encravada, pode ocorrer em todos os dedos, sendo a mais comum o famoso “dedão do pé”. 

 

A infecção ocorre quando a má formação das unhas impede o crescimento, seja devido a uma cirurgia mal planejada ou devido a doenças genéticas do paciente. Uma unha saudável não pode ferir ou empurrar a pele e  é um excelente alerta para iniciar qualquer tratamento.  

 

Entre outras coisas, o corte excessivo das unhas pode contribuir para lesões e agravar infecções e desconfortos gerais, o que prejudica a qualidade de vida e o bem-estar de quem sofre com a doença. 

 

Lesões causadas por quedas e infecções fúngicas também são motivo para alertar o paciente de  que, se não for devidamente tratado, o quadro pode piorar em poucos dias, causando pus e fortes dores no local. 

 

O organismo começa a produzir pus para se defender do invasor e isso não indica uma infecção imediata, mas deve ser investigado o quanto antes. 

 

Mas, atenção: pessoas com diabetes ou problemas circulatórios devem ser encaminhados por um profissional da área, para evitar complicações.

 

Saiba agora, tudo sobre unhas encravadas e como resolver

A unha encravada é uma condição dolorosa que ocorre quando a borda de uma unha cresce e penetra na pele ao redor. 

 

Geralmente, a unha encravada ocorre nos dedões dos pés, mas também pode afetar outros dedos. Essa condição é bastante comum e pode causar desconforto significativo, além de aumentar o risco de infecção.

 

Existem várias causas para o desenvolvimento de uma unha encravada. Uma das principais razões é o corte inadequado das unhas dos pés.

 

Cortar as unhas muito curtas ou arredondá-las de maneira incorreta pode fazer com que as bordas da unha cresçam para dentro da pele. Além disso, o uso de sapatos apertados ou inadequados também pode contribuir para o problema, já que exercem pressão sobre os dedos dos pés.

 

Conheça os sintomas:

 

Os sintomas de uma unha encravada geralmente incluem dor, vermelhidão e inchaço ao redor da unha afetada. À medida que a condição progride, pode haver a formação de pus, o que indica a presença de uma infecção.

 

 A atividade diária, como andar ou calçar sapatos, pode se tornar extremamente desconfortável e dolorosa.

 

Quando uma pessoa desenvolve uma unha encravada, é importante procurar tratamento adequado para evitar complicações. 

 

Em casos leves, medidas caseiras podem ser eficazes. Recomenda-se mergulhar os pés em água morna com sal algumas vezes ao dia para aliviar a dor e reduzir a inflamação. 

 

É possível também levantar a borda da unha com cuidado e inserir um pequeno pedaço de algodão para evitar que ela penetre ainda mais na pele.

 

No entanto, em casos mais graves ou persistentes, é essencial buscar a ajuda de um profissional de saúde, como um podólogo ou dermatologista.

 

Esses especialistas podem realizar procedimentos como a remoção parcial ou total da unha encravada, aliviando a dor e prevenindo a recorrência do problema. Em casos de infecção, pode ser necessário prescrever antibióticos para combater as bactérias presentes.

 

Além disso, é importante adotar medidas preventivas para evitar o desenvolvimento de unhas encravadas. Certifique-se de cortar as unhas dos pés retas e evitar cortá-las muito curtas. 

 

Use sapatos adequados que permitam espaço suficiente para os dedos dos pés e evite calçados apertados. Manter os pés limpos e secos também ajuda a prevenir infecções.

 

Em suma, a unha encravada é uma condição dolorosa que pode causar desconforto e aumentar o risco de infecção. 

 

Ao notar os sintomas, é importante procurar tratamento adequado para evitar complicações. Com os cuidados apropriados e medidas preventivas, é possível lidar com esse problema e manter os pés saudáveis e livres de desconforto.

 

Facebook Comments Box

3 Comments

Leave a Reply

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CUIDADO! Você precisa saber o que o bicho-de-pé causa a saúde e como se proteger

Inacreditável! Veja a maior espinha do mundo, cuidado para não se assustar