in ,

A Cobra Preta que Mama, é um mito ou realidade?

- Anúncio -

Antigamente muitas pessoas acreditavam que a cobra preta que mama colocava todas as mulheres que estivessem amamentando seus bebês em risco. O boato ficava ainda mais forte e amedrontava muitas famílias quando a criança estava raquítica, aparentando estar abaixo do peso desejável.

Pode hoje em dia, para a maioria da população a cobra preta que mama não passar de uma lenda que ficou no passado, mas não se engane. Em alguns lugares afastados, principalmente na zona rural ou florestal, ainda se encontra pessoas que acreditam e cuidam para manter toda a casa fechada na hora de amamentar o bebê.

Os mais antigos afirmam que a cobra preta que mama existe, eles continuam contando para os mais novos, mesmo ninguém tendo presenciado, eles orientam sobre os possíveis riscos e, sempre aparece alguém para confirmar que não se trata de mito, mas, sim de realidade.

- Anúncio -
- Anúncio -

Entenda o que chamam de cobra preta que mama.

“Quando uma mulher tem filho e está amamentando, a cobra sente o cheiro do leite, então segue até o lugar e espera chegar a noite para entrar. A mãe dorme cansada amamentando com a criança no colo, é aí que a cobra entra em ação; ela aproveita o repouso, sobe na cama, coloca o rabo na boca do bebê para a criança não chorar e mama. Repete essa ação todas as noites até que a mãe desconfie por ver seu filhinho magrinho, desnutrido.

O marido ao chegar a casa após dias de viagem, chega em casa e mata a cobra a pauladas”.

Esse é um dos causos mais conhecidos e propagados para dar veracidade.

Vamos entender se é mito ou verdade a tal COBRA PRETA QUE MAMA:

Ter cuidado ao ver uma cobra, seja ela de qualquer cor ou tamanho é importante para evitar acidentes ou uma picada, porém, é preciso ficar claro que cobra não é um animal mamífero e sim, réptil. Então cobra não mama.

 


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Hortelã: A melhor forma de recuperar a cartilagem dos joelhos e quadril

FRALDAS HUGGIES TURMA DA MÔNICA RETIRADAS DO VAREJO