in , ,

5 Dicas de Como Tirar o Gosto Amargo do Jiló

5 Dicas de Como Tirar o Gosto Amargo do Jiló

O jiló é uma fruta originária da África, mas muito popular na culinária brasileira, especialmente na região sudeste. Ele é rico em vitaminas, minerais e antioxidantes, e tem propriedades que ajudam a controlar o colesterol, a diabetes e a pressão arterial.

No entanto, muitas pessoas não gostam do seu sabor amargo, que pode ser desagradável para o paladar. Por isso, neste artigo, vamos te ensinar 5 dicas de como tirar o gosto amargo do jiló e aproveitar todos os seus benefícios.

O que causa o gosto amargo do jiló?

O gosto amargo do jiló é causado por uma substância chamada cucurbitacina, que é encontrada em várias plantas da família das cucurbitáceas, como o pepino, a abóbora e a melancia. Essa substância tem uma função de defesa contra insetos e herbívoros, e também pode variar de acordo com as condições de cultivo, clima e solo. Quanto mais maduro o jiló, mais amargo ele fica.

5 Dicas de Como Tirar o Gosto Amargo do Jiló

Como tirar o gosto amargo do jiló: receita simples

Uma forma simples e rápida de tirar o gosto amargo do jiló é cortá-lo em rodelas finas e deixá-lo de molho em uma solução de água com sal e vinagre por cerca de 15 minutos. Depois, é só escorrer bem e refogar ou fritar como preferir. O sal e o vinagre ajudam a neutralizar a cucurbitacina e a deixar o jiló mais saboroso.

Como tirar o gosto amargo do jiló: receita tradicional

Uma receita tradicional que usa o jiló como ingrediente principal é a farofa de jiló, típica da culinária mineira. Para fazer essa delícia, você vai precisar de:

  • 500 g de jiló cortado em cubinhos
  • 2 colheres (sopa) de óleo
  • 1 cebola picada
  • 4 dentes de alho picados
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 2 xícaras (chá) de farinha de mandioca
  • Salsinha picada a gosto

O primeiro passo é cozinhar o jiló em água fervente com sal por cerca de 10 minutos, ou até ficar macio. Depois, escorra bem e reserve. Em uma panela, aqueça o óleo e refogue a cebola e o alho até dourarem. Tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto.

Junte o jiló cozido e misture bem. Por fim, acrescente a farinha de mandioca aos poucos, mexendo sempre, até formar uma farofa soltinha. Salpique a salsinha picada por cima e sirva quente ou fria.

Como tirar o gosto amargo do jiló: história da receita

A origem da farofa de jiló é incerta, mas há algumas hipóteses sobre como ela surgiu. Uma delas é que ela foi criada pelos escravos africanos que trabalhavam nas fazendas de café em Minas Gerais, que aproveitavam os ingredientes disponíveis para fazer um prato nutritivo e saboroso.

Outra hipótese é que ela foi inventada pelos tropeiros que viajavam pelo interior do Brasil, que levavam farinha de mandioca como alimento básico e usavam o jiló como complemento. De qualquer forma, a farofa de jiló se tornou um prato típico da culinária mineira, sendo apreciado por muitas pessoas.

Mais 3 receitas com jiló

Se você gostou da farofa de jiló, que tal experimentar outras receitas com esse ingrediente? Aqui estão mais 3 sugestões para você se deliciar:

  • Salada de jiló: corte o jiló em rodelas finas e deixe de molho em água com sal e limão por 15 minutos. Escorra bem e misture com tomate, cebola, azeitona, alface e temperos a gosto. Regue com azeite e vinagre e sirva gelada.
  • Chips de jiló: corte o jiló em rodelas bem finas e seque com papel toalha. Frite em óleo quente até ficarem crocantes e escorra em papel absorvente. Tempere com sal, pimenta e orégano e sirva como aperitivo.
  • Doce de jiló: corte o jiló em cubinhos e cozinhe em água com bicarbonato de sódio por 10 minutos. Escorra e lave bem. Em uma panela, coloque o jiló, açúcar, cravo, canela e água suficiente para cobrir. Cozinhe em fogo baixo até o jiló ficar macio e a calda engrossar. Deixe esfriar e sirva com queijo branco.

Dúvidas comuns sobre o jiló

Ainda tem dúvidas sobre o jiló? Veja algumas perguntas e respostas que podem te ajudar:

  • O jiló é fruta ou verdura? O jiló é uma fruta, pois é o produto do desenvolvimento do ovário da flor. No entanto, ele é usado como verdura na culinária, pois é consumido cozido ou refogado, e não cru ou como sobremesa.
  • O jiló faz bem para a saúde? Sim, o jiló faz bem para a saúde, pois é rico em nutrientes como vitamina C, vitamina A, ferro, cálcio, potássio e fibras. Ele também tem propriedades que ajudam a controlar o colesterol, a diabetes e a pressão arterial, além de prevenir o envelhecimento precoce e fortalecer o sistema imunológico.
  • O jiló engorda? Não, o jiló não engorda, pois é um alimento de baixa caloria (apenas 27 calorias por 100 g). Ele também tem um alto teor de água e fibras, que aumentam a sensação de saciedade e ajudam na digestão. O que pode engordar é a forma como ele é preparado, se for frito ou acompanhado de ingredientes gordurosos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saiba como deixar a coxinha da asa de frango assada crocante

Saiba como deixar a coxinha da asa de frango assada crocante

Mulher tem mais de 230 trinetos e se emociona ao ver pela primeira vez a tataraneta

Mulher tem mais de 230 trinetos e se emociona ao ver pela primeira vez a tataraneta