in ,

Mãe de bebê estuprada em creche particular faz revelação e choca

- Anúncio -

Indignada com o estupro de uma bebê, população vai às tuas gritar por “justiça para Victoria”.

A mãe de uma menina de 2 anos, descobriu que a filha foi abusada sexualmente dentre da creche em Naypyitaw em Mianmar. O local pertence a iniciativa privada e a mãe acreditava que a menina estaria segura, após pesquisar se seria um ambiente responsável para deixar sua filha, mas infelizmente aconteceu o pior, descoberto por ela no mês de maio.

A mãe prestou queixa na polícia pedindo para investigar todos na creche, protestos por toda a cidade da população indignada com a violência sexual infantil ganhou força. Tanto pais e famílias que tem crianças na creche, como tantos outros moradores que não tem, mas que, como seres humanos não toleram tal absurdo, se mobilizou em protesto.

- Anúncio -

A palavra de ordem para que a polícia desvende o crime identificando os culpados para que possam responder na justiça é “justiça para Victoria”.

O nome escolhido para os protesto é apenas para representar a menina, o nome verdadeiro foi preservado para a criança não sofrer ainda mais com a situação que, já é tão absurda.

Na audiência que aconteceu quarta-feira, a mãe pediu ao juiz para não ter a professora apenas como uma testemunha, mas para ser ouvida como suspeita, pois para a mãe, a história que a professora contou foi mudada, diferente do que havia dito no início, em que alegou não ter conhecimento do estupro da criança.

- Anúncio -

Em casa, quando a mãe foi trocar a fralda viu que tinha algo errado, imediatamente levou a menina ao hospital, o medico confirmou que a bebê tinha sido vítima de estupro.

O promotor do caso disse ao portal The Irrawaddy; “A menina relatou quatro vezes que a professora sabia do crime e lhe deu banho depois, ajudando a lavar seus genitais. Ela também afirmou que a professora repreendeu o homem que havia lhe atacado. Portanto, pedimos para que Hnin Nu seja tratada como suspeita por ter escondido esta informação”.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Cadela abandonada percorre 200 quilômetros à procura dos donos

Mãe faz “Chá DNA” pra comprovar paternidade de sua bebê