Filha e pai faxineiro são aprovados juntos na Universidade Federal do Ceará

- Anúncio -

O sonho da maioria dos brasileiros é entrar em uma universidade. Grande parte da população pobre sonha com dias melhores após o diploma. Há quem dê duro a vida toda por esse momento. Alguns entram logo, como foi o caso de Ester Rodrigues, aprovada aos 17 anos. Mas existem aqueles que somente depois de muito tempo é que consegue a tão sonhada vaga, nesse caso o João Monte Rodrigues com 52 anos e aprovado no vestibular recentemente.

O que esses dois nomes têm em comum? São pai e filha entrando em uma universidade pública juntos. De um lado vemos o esforço de uma jovem indígena que conquista seu direito aos estudos. Do outro, vemos um faxineiro que sempre sonhou em estudar chegando pela primeira vez em uma universidade. A história dos dois é de emocionar a qualquer um.

João e Ester sempre viveram em uma comunidade indígena localizada na zona metropolitana de Fortaleza. Os dois são humildes e enfrentaram dificuldades ao longo da vida. Para sustentar a família João passa a vida limpando a repartição pública em que trabalha na capital cearense.

- Anúncio -

De vassoura e puxador para cadernos e muitas contas do futuro engenheiro. Essa será a mudança de rotina de João em breve. O faxineiro conquistou uma vaga na Universidade Federal do Ceará e deverá cursar engenharia de petróleo. Depois de ficar 34 anos sem estudar, o faxineiro decidiu voltar a estudar em 2012 sem imaginar que conseguiria passar em uma universidade e sonhar com uma vida melhor.

- Anúncio -

Pai e filha passaram tardes estudando juntos e o resultado veio cedo. os dois foram aprovados pelo ENEM. Enquanto isso, a jovem Ester decidiu fazer engenharia ambiental. Os dois indígenas deverão ser engenheiros após alguns anos de muito estudo e dedicação, transformando completamente a vida da família Rodrigues.

“Ainda não caiu a ficha! “Ser universitário” é grande para mim, um sonho mesmo! Acho que só vou acreditar quando entrar na sala de aula, no primeiro dia mesmo. Tô ansioso. Penso na glória do final, em conquistar uma carreira. Já me considero um grande vitorioso, em chegar até aqui”, disse João.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by Ana Paula

Jornalista de profissão, e redatora por vocação. Escrevo com prazer tentando passar em palavras, emoções que possam tocar a vida das pessoas. Nas horas vagas mamãe de gatos e degustadora de cafés, que são meus grandes amores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Colisão entre dois trens, deixa 9 feridos e maquinista preso nas ferragens; vídeo

Cozinhar com banha de porco é MUITO melhor do que com óleo de girassol ou canola