Fábio Assunção diz: “Venci a dependência química graças a Deus”

- Anúncio -

Em meio a tantas polêmicas, o ator Fábio Assunção fala sobre os vícios que o levou a ter tantas recaídas e que também o prejudicou.

Aos 48 anos, o galã da Globo sofreu como dependente de drogas, incluindo bebida alcoólica. O vício foi um grande problema na vida do famoso, várias vezes ele tentou se afastar dos entorpecentes, mas sofria recaídas.

Muitos memes surgiram na internet tendo Fábio Assunção como tema da piada, teve até vídeo íntimo do ator vazado. O problema foi tão sério, que por pouco a carreira não foi para o fim do poço.

- Anúncio -

Polémicas não foram poucas, mas como Fábio é forte e continuou tentando a cada recaída no vício, agora ele pode se dizer curado da dependência e trabalhando.

O ator gravou uma série para a Globoplay, com o título; “Onde está meu coração”. Fábio interpreta um personagem que uma filha dependente de crack. Ela é médica e mesmo assim se torna viciada.

Confira o que Fábio Assunção falou sobre dependência química e a carreira;

“Um dos grandes problemas da dependência é as pessoas terem vergonha de falar sobre ela, porque dificulta o processo de reequilíbrio”. “O vício não é uma questão de caráter, ou de uma escolha. Não é você aceitar uma propina. É impulsão, compulsividade”.

“Sim. Já superei essa questão, isso não faz mais parte da minha vida, graças a Deus. Quando esse processo cessou, há quatro, cinco anos, achei que o álcool, aceito socialmente, poderia ser um caminho secundário, alternativo, para poder lidar com algumas coisas sem as consequências de uma droga pesada.

Mas é preciso contextualizar isso. Herdei conceitos de que a droga tinha a ver com liberdade, com a subversão de um sistema castrador, era uma outra época”.

- Anúncio -

O primeiro filho de Fábio Assunção é um jovem de 16 anos, João Assunção. O rapaz fez uma publicação na rede social defendendo o pai, quando um vídeo íntimo.

- Anúncio -

“Ele tem muita consciência, uma compreensão muito grande para um cara de 16 anos… Ele escreveu sozinho, não perguntou para mim, e postou. Se alguma coisa disso tudo tem que valer a pena é ( o fato de ) reverter em conhecimento e respeito, consciência humana aos meus filhos”, disse Fábio.

“Hoje tenho uma vida absolutamente normal. Posso tomar uma taça de vinho? Posso. Dois copos de cerveja? Posso. Mas, se beber mais do que isso, vai me fazer mal.”

Sobre o que está fazendo, o ator respondeu; “ Trabalho muito. É onde eu me realizo”.

Foto: reprodução

Fonte: Sensívelmente


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marília Mendonça esclarece suposta doença grave do filho

Homem mantinha cães congelados no freezer de casa