Colégio em que neto de Lula estudava, convoca reunião urgente para prevenção de doença

- Anúncio -

O Colégio Darwin Central School, em São Bernardo do Campo,  onde Arthur Araújo Lula da Silva, neto do ex-presidente Lula estudava, fez uma reunião em caráter de urgência depois da morte do menino, na última sexta-feira (1), para esclarecer dúvidas de pais, alunos e funcionários sobre a doença, meningite meningocócica que acabou matando a criança.

Segundo matéria publicada no site da Época, a escola realizou profilaxia e limpeza preventiva na escola, já que a doença é contagiosa.

Colegas de Arthur, receberam os medicamentos de profilaxia para meningite. Profissionais da escola também, uma vez que a doença passa de pessoa para pessoa, através das vias aéreas, por gotículas de saliva ou secreção expelidas por indivíduos infectados ao falar, tossir, espirrar ou beijar.

- Anúncio -

“Caso a família se encontre em outra cidade, procurar com urgência a vigilância sanitária mais próxima”, disse a escola em comunicado “urgente” a “todos os pais e filhos” da turma de Arthur e “todos os alunos da escola ampliada”. 

- Anúncio -

A escola publicou em sua rede social, uma homenagem ao pequeno Arthur anos.

É com muito pesar que vimos trazer a triste notícia do falecimento de nosso amado aluno Arthur. Não existem palavras…

Gepostet von Colégio Darwin São Bernardo am Freitag, 1. März 2019

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by Ana Paula

Jornalista de profissão, e redatora por vocação. Escrevo com prazer tentando passar em palavras, emoções que possam tocar a vida das pessoas. Nas horas vagas mamãe de gatos e degustadora de cafés, que são meus grandes amores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Em velório, Lula diz que neto sofreu bullying: “vou provar minha inocência”

É Carnaval: Neymar é flagrado aos beijos com cantora famosa