Violência sem limites: jovem de 18 anos mata colega dentro da escola depois de discussão por futebol

Autoridades propõem solução para acabar com casos como esse. Você concorda com elas?

A escola deveria ser um lugar que os estudantes estariam em plena segurança, só que na prática não se pode dizer que seja exatamente isso que acontece. Casos de violência dentre das escolas infelizmente não são problemas isolados e, a cada ano os registros de agressão no interior das instituições de ensino sobem.

Essa é uma questão preocupante para pais, professores e gestores de escola. Toda criança, jovem ou adulto precisa se sentir bem acolhido e seguro, mas o que vemos nos noticiários é bem diferente e o que aconteceu com esse aluno, morto por uma discussão de futebol é inaceitável.

Luiz Felipe Siqueira, 17 anos, foi violentamente agredido por colega de 18 anos, dentro da escola em que estudava na cidade de Belo Horizonte. A o adolescente chegou a ser socorrido e levado para o hospital, mas os traumas causados pelos chutes e pontapés tiraram a vida do estudante Luiz.

Enquanto a família da vítima está inconsolada com a perda do jovem de apenas 17 anos, o agressor, identificado como Hudson Rangel Gomes Rosa de 18 anos, foi conduzido a um centro de detenção.

Segundo informações que foram divulgadas por meio de diversas mídias online, a discussão aconteceu durante o intervalo das aulas, eles teria se desentendido por futebol, o rapaz de 18 anos então teria partido para o ataque físico usando de muita violência.

O advogado do jovem agressor, disse em entrevista a um jornal;

“Ele ficou muito abalado com a notícia. Não parava de chorar. Ficou muito emocionado e não conseguiu dizer nada”.

O histórico de estudante que agrediu a vítima chamou atenção por ter mais de 30 ocorrências. Ele deverá responder na Justiça por tentativa de homicídio qualificada por motivo torpe, mas ainda é muito cedo para saber como ele responderá por suas ações.

É urgente que pais e escola se unam para atuar na prevenção da violência.


ATENÇÃO MÃE, QUAL SUA OPINIÃO?

escreva seu comentário abaixo👇