in ,

Vídeo: Criança se afoga por 4 minutos em piscina lotada sem que ninguém perceba

- Anúncio -

Um vídeo que serve como um forte alerta viralizou na redes sociais e mostra um caso que aconteceu em um hotel em Livonia, Michigan, nos Estados Unidos.

As imagens mostram a piscina lotada, e uma criança começa a se afogar, sem que ninguém perceba.

O menino de cerca de 2 anos de idade, se aproxima da borda, entra na água e começa a se afogar.

- Anúncio -

Ele chega a tentar nadar, mas logo afunda e passa 4 minutos debaixo dágua, até que uma menina de 9 anos percebe algo estranho e corre para avisar sua madrinha.

Uma mulher pula na água e tira a criança, seguida por outra que ajuda.

As duas mulheres são enfermeiras e começam a fazer manobras para reanimar a criança.

Os paramédicos são acionados e alguns minutos depois chegam no local com a polícia e levam a criança para um hospital onde ele ficou em observação e depois finalmente teve alta.

Dá arrepios quando você vê essas enfermeiras trabalhando nessa criança. São várias rodadas de RCP para trazê-la de volta”, disse Ron Taig, capitão do departamento de polícia de Livonia, ao WXYZ. Sobre as imagens, ele comentou: “Ele está tentando nadar. Eu acho que ele está tentando ficar em pé e ele simplesmente não consegue. Há muitas pessoas na piscina. Eles estão jogando, e acho que ele se perde na confusão”.

O caso ocorreu dia 24 de janeiro, mas foi divulgado agora para alertar as famílias sobre os riscos de deixar crianças perto de água sem supervisão constante.

“De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças, três crianças morrem todos os dias como resultado de afogamento. De fato, o afogamento mata mais crianças de um a quatro anos do que qualquer outra coisa, exceto defeitos congênitos. Felizmente, os pais podem desempenhar um papel fundamental na proteção dos filhos de se afogarem. O Departamento de Polícia de Livonia gostaria de lembrá-lo de sempre monitorar crianças na água”, escreveram.

- Anúncio -
- Anúncio -

A menina de nove anos que viu o menino, sua madrinha e as duas enfermeiras de folga foram indicadas para um Prêmio de Serviço Excepcional do Departamento de Polícia de Livonia – o maior elogio civil. “Desde a criança que identificou o menino no fundo da piscina até as enfermeiras que entram em ação e fazem o que são treinadas para fazer, são realmente heróis”, finalizou.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by Ana Paula

Jornalista de profissão, e redatora por vocação. Escrevo com prazer tentando passar em palavras, emoções que possam tocar a vida das pessoas. Nas horas vagas mamãe de gatos e degustadora de cafés, que são meus grandes amores.

Zezé Di Camargo desabafa sobre seu pai: ‘perdoe pelo egoísmo de insistir que fique aqui’

Moçambique finalmente proíbe o casamento infantil