Tragédia na África: desespero, dor, fotos aterrorizantes e mais de MIL mortos

Uma tragédia de grandes proporções atingiu o continente africano, com a passagem do ciclone Ida, que atingiu vários países como Moçambique, Zimbábue, e Malaui, e o número de mortos pode passar de mil pessoas.

Na última segunda-feira (18), a agencia Reuters confirmou as informações. O presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, também confirmou em entrevista para uma rádio estatal que o número de vítimas pode chegar a mil, uma vez que o número de desaparecidos é enorme e as buscas e resgate são muito difíceis, pois áreas inteiras estão totalmente submersas.

 “Mais de 100 mil pessoas correm risco de vida. Nós vimos corpos na água. É um verdadeiro desastre humanitário”, lamentou Nyusi, acrescentando que “a prioridade é agora salvar vidas e já hoje [segunda-feira] foi possível salvar mais de 400 pessoas das zonas inundadas”, disse o presidente.

Imagens aéreas mostram que pessoas ilhadas, buscam abrigo no topo de prédios.


Homem se arrisca atravessando o rio Umvumvu por cabos de uma ponte destruída após a passagem do ciclone Idai em Chimanimani, no Zimbábue — Foto: Philimon Bulawayo/Reuters

Homem observa a água da beira de uma ponte sobre o rio Umvumvu destruída pela passagem do ciclone Idai em Chimanimani, no Zimbábue — Foto: Philimon Bulawayo/Reuters

Pessoas se abrigam no teto de uma casa em área completamente alagada após a passagem do ciclone Idai na cidade de Beira, em Moçambique — Foto: Rick Emenaket/Mission Aviation Fellowship via AFP

Moradores e militares buscam swobreviventes entre escombros em Ngangu, Chimanimani, no leste do Zimbábue, após passagem do ciclone Idai — Foto: Zinyange Auntony/AFP

Nomatter Ncube senta-se com seus filhos diante de sua casa destruída pela passagem do ciclone Idai em Chimanimani, Zimbábue — Foto: Philimon Bulawayo/Reuters

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇