Tragédia irmã mata irmão, se suicida e deixa carta aos pais no Facebook

- Anúncio -

Uma tragédia terrível viralizou nas redes sociais de uma irmã que matou seu próprio irmão deficiente, depois do ato criminoso ela se suicidou.

Na carta que Juliana, a jovem de 25 anos, publicou no Facebook, ela contou para a família o que a motivou a matar o próprio irmão. Um rapaz com deficiência cerebral e sem possibilidade de cura.

Ela alegou que não suportava mais ver como o irmão sofria, para ela foi um modo de acabar com o sofrimento.

- Anúncio -

O conteúdo da carta é esse:

“Pai, mãe, perdão. Não consigo. Não adianta fingir. Eu e o Matheus (irmão) não temos futuro. Só um último pedido. Não nos enterre em Monlevade, pelo amor de Deus. Amo vocês.”

O irmão de Juliana era Matheus, ele tinha 19 anos de idade. Ele e Juliana eram irmãos muito próximos e ela sofria de depressão, um transtorno sério e perigoso que precisa de acompanhamento médico e terapêutico.

- Anúncio -

Uma pessoa pode estar sorridente e sofrer de depressão, por isso é importante que as pessoas mais próximas como familiares e amigos, observem as mudanças de comportamento e o que dizem. Nem sempre é possível detectar as verdadeiras intenções que uma pessoa possa cometer, mas sempre é importante procurara ajuda.

Essa é uma tragédia que infelizmente abala toda a família, que precisa de apoio para lidar com tanta dor.

O CVV – Centro de Valorização da Vida é um órgão que foi criado para atender e ouvir pessoas de todas as regiões do Brasil gratuitamente. Os voluntários são treinados para atender pessoas que estão tristes e querem desabafar. Não se trata de atendimento terapêutico, mas consegue ajudar centenas de pessoas todos os anos.

Para ser voluntário e doar um pouco do seu tempo fazendo o bem, os interessados precisam se inscrever no núcleo CVV em sua cidade, sendo que só pessoas acima de 18 podem participar.

- Anúncio -

O atendimento no CVV – Centro de Valorização da Vida funciona 24 horas nos 7 dias da semana.

Todas as pessoas que se sentirem tristes, solitárias ou necessitando de uma conversa, podem entrar em contato pelo número 188. A ligação é gratuita.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mudanças que só ocorrem no corpo da mãe de menino

Sem dinheiro, pai usa sacolas de mercado e cria fantasia de princesa para filha ir a festa em escola de SC