in

Relato de mãe: “Percebi relação abusiva quando não encontrei nenhuma foto minha grávida”

- Anúncio -

Mãe de 47 anos relata como foi viver uma relação abusiva e diz:  “Percebi relação abusiva quando não encontrei nenhuma foto minha grávida”.

Infelizmente, esses casos não são poucos, a triste história que a mulher revelou, é resultado de um casamento tóxico.

Os filhos cresceram presenciando todo o sofrimento da mãe que, também era o deles, até que a filha de 15 anos e um evento ocorrido com o filho caçula, levou a mulher, que não teve a identidade revelada, apenas que mora em Santa Catarina, no Balneário Camboriú, se deu conta da realidade em que vivia, a de agressão psicológica.

- Anúncio -

Veja o relato completo dessa mãe, quanta dor ela passou durante anos, até abrir os olhos para o que estava acontecendo:

“Fui casada por 15 anos e vivia uma relação que, se eu visse uma amiga minha vivendo, teria percebido que era abusiva. Eu tinha 30 anos, e duas filhas do primeiro casamento. 

Ele sempre deixou claro que não queria gravidez, mas, depois que eu engravidei, em 2007, decidimos morar juntos em outra cidade, em Balneário Camboriú (SC).’ No começo do relacionamento, você entra cheia de expectativas. 

Era uma convivência cheia de condições que hoje eu vejo que eram agressões. Ele me dizia: ‘Eu não quero esse bebê, mas já que você está grávida…”

Ao compartilhar sua experiência, essa mãe também está ajudando outras mulheres.

- Anúncio -

“Ele nem contou para a família dele sobre a gravidez. E eu não tenho família, fui criada por dois tios que já morreram, e só tenho primos distantes, em outras cidades. 

No segundo ou terceiro mês da gestação, tive um início de aborto e fui para o hospital. Como minhas filhas, que tinham 2 e 3 anos, ficaram na casa da mãe dele, elas ficaram perguntando se o bebê tinha nascido. Foi assim que a família dele descobriu que eu estava grávida. Os amigos, só depois que o bebê nasceu”.

- Anúncio -

A família do marido, nem falava no bebê: “Ia a almoços da família dele e ninguém perguntava nada. Parecia que não tinha um bebê ali. Fiz pré-natal, e imprimiram um ultrassom, mas acho que joguei fora. Só me lembro de quando eu levei minhas filhas no hospital para ver, e elas disseram que o bebê ‘parecia um alienígena’”.

“Meu filho nasceu no dia 6 de dezembro. Foi cesárea, e meu então companheiro convidou a família inteira dele para passar o Natal com a gente.

Fiz a ceia sozinha, porque ele passou o dia na praia. Quando meu filho tinha 6 anos, uma ficha caiu: percebi que não tinha fotos de quando estava grávida. Ele ia fazer um trabalho de Dia das Mães na escola, e fizeram um mural onde colocaram a foto da mãe grávida e do filho do lado. Eu não tinha nenhuma para ele levar. Até hoje, não consigo me visualizar grávida”, contou a mãe.

 

Créditos: https://paisefilhos.uol.com.br/gravidez/relato-de-mae-percebi-relacao-abusiva-quando-nao-encontrei-nenhuma-foto-minha-gravida/


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Mãe de oito crianças está internada com Covid e revela que os filhos precisam se cuidar sozinhos

Bebê sobrevive a transplante e a Covid-19 antes de completar 1 ano de vida: “Ele é um milagre”