Por coronavírus, governo libera andar com CNH vencida

- Anúncio -

A pandemia do novo coronavírus, tem feito com que todo mundo mude seus hábitos, o mesmo se aplica à decisões e ações que os governos precisam tomar nesses tempos de luta contra o Covid-19.

Pensando nas dificuldades dos serviços, nos mais variados setores, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) teve de interromper o atendimento presencial, medida necessária para proteger funcionários e o cidadão por causa do novo coronavírus.

Para não dificultar a vida dos condutores de veículos, quem estiver com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencida a partir de 19 de fevereiro, poderá continuar conduzindo o veículo, mesmo estando a  carteira de motorista vencida.

- Anúncio -

Essa é uma decisão incomum, mas em tempos difíceis como o que o mundo está vivendo agora, em caráter especial, o condutor do veículo não será impedido de dirigir sem atualização da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), que estiver desde a data determinada.

O mesmo vale para Permissão de Dirigir (PPD) e Certificado de Registro de Veículo (CRV).

- Anúncio -

Outra medida importante é a prorrogação do prazo para quem está no processo para ter a Carteira Nacional de Habilitação, CNH, o prazo passa para até 18 meses.

O Contran, juntamente com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), do Ministério da Infraestrutura, publicou quinta-feira, 19/03, a deliberação.

Frederico Carneiro, diretor do Denatran e presidente do Contran, explicou o motivo da decisão, reforçando os cuidados que precisam ser feitos para evitar que o Covid-19 avance e faça mais vítimas, disse;

“Estamos considerando a necessidade urgente de se evitar aglomerações nos órgãos de trânsito e nas entidades públicas e privadas prestadoras de serviços afetos ao trânsito, além de ajudar caminhoneiros e motoristas profissionais”.

Quanto a processo de recursos de multa, cassação da CNH, defesa de autuação, está suspenso e não há prazo determinado para o retorno. O retorno do atendimento ao público, vai depender de como e quando a população estiver segura.

- Anúncio -

[covid]

Fonte: Metrópoles 


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

‘NINGUÉM ESTÁ A SALVO’, DIZ ENFERMEIRO ITALIANO

Alerta! Netflix de graça durante pandemia do coronavírus é golpe