Por causa do coronavírus, governo antecipa metade do 13º dos aposentados

- Anúncio -

Ontem, quinta-feira, 12 de março, o Ministério da Economia anunciou a decisão de novas medidas, diante dos impactos que a pandemia do novo coronavírus possa provocar.

Dentre essas medidas, o governo anunciou a liberação antecipada da metade do 13º salário aos aposentados e pensionistas do INSS, Instituto Nacional da Seguridade Social.

Os 50% dos benefícios deverão ser pagos no mês de abril, chagando ao valor de R$ 23 Bilhões de Reais que o governo irá liberar. Sobre a prova de vida exigida pelo INSS aos aposentados e pensionistas, ficará suspensa por 120 dias.

- Anúncio -

As decisões foram tomadas após o governo constatar a necessidade de tomar medidas, seguindo o monitoramento do setor econômico em relação ao Covid-19, no país e no mundo, conforme o ministro da economia, Paulo Guedes orientou, para que o colegiado, instituído por ele, faça essa ação conjunta de monitoramento do setor econômico.

O monitoramento do colegiado, com o secretário-executivo, Marcelo Guaranys na coordenação, está sendo feito nas áreas; fiscal, orçamentária, crédito, gestão pública, questões tributárias, setor produtivo, relação federativa, trabalho e previdência

- Anúncio -

“A gente tem grandes preocupações com cadeias produtivas, verificar o que está sendo desabastecido, o que precisa de auxílio, por exemplo, com produtos hospitalares, se precisa de alguma facilidade para desembaraço aduaneiro, se precisa de alguma redução de tarifa de exportação, que medida precisa ser adotada a cada momento necessário. Estamos acompanhando, obviamente, os indicadores da economia e a necessidade de remanejamento de orçamento”, explicou o coordenador Marcelo Guaranys.

O secretário especial da Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, informou sobre a previdência; “Também proporemos, ao Congresso Nacional, via medida legislativa, a ampliação da margem consignável. Existe a margem consignável que é aquela parcela que a pessoa pode comprometer do seu orçamento, do seu salário, do seu benefício [no pagamento do empréstimo]”.

Em nota, o Ministério da Economia informou; “Outras medidas podem ser adotadas de acordo com o andamento dos trabalhos do grupo de monitoramento e orientações do Ministério da Saúde.

Fonte: Correio 24 Horas


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Di Ferrerro anuncia que contraiu coronavírus e já está em isolamento

Coronavírus: pediatra ensina tudo sobre como proteger os bebês e crianças