Piloto que agrediu namorada não será preso por falta de elementos

De acordo com matéria publicada no site Mais Goiás a delegada responsável pelo caso disse que o agressor não será preso preventivamente.

O site Mais Goiás publicou uma matéria que fez com a delegada Ana Elisa Gomes da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), que está cuidando do caso do piloto filmado agredindo a ex-namorada.

Segundo a publicação feita nesta quarta-feira (26), a delegada afirma que o filho do ex-prefeito de Anápolis Eurípedes Junqueira, Victor Junqueira, 24 anos, que aparece nas imagens gravadas pela vítima, não será preso preventivamente.

A delegada explicou:
“Ele não está prejudicando o trabalho dos investigadores ou praticando outros crimes contra a vítima. O fato não foi em flagrante, ele tem residência fixa e compareceu à delegacia acompanhado de um advogado, portanto não ocorrerá a prisão por hora”, disse.

A delegada informou que Victor já vou ouvido pela polícia e que o caso está sendo tratado com discrição para preservar a vítima.

“O inquérito foi concluído na sexta-feira e remetido ao poder judiciário na data de hoje. A vítima foi orientada sobre as medidas protetivas de urgência enquanto as investigações estão em andamento”, concluiu a delegada.

Entenda o caso aqui:

PILOTO É FLAGRADO ENFORCANDO E DANDO MURRO NA EX-NAMORADA; VÍDEO VIRALIZOU NA WEB


ATENÇÃO MÃE, QUAL SUA OPINIÃO?

escreva seu comentário abaixo👇