Duas acusações de estupro e uma de tentativa de estupro contra Felipe Prior

- Anúncio -

A Marie Claire movimentou a sexta-feira, 03/04, ao publicar uma matéria em que aborda duas acusações de estupro e uma tentativa contra o ex-BBB Felipe Prior.

A Marie Claire teve acesso a um documento exclusivo dos anos de 2014 e 2018, a equipe de reportagem conversou com as advogadas e com as mulheres. O ex-BBB não se posicionou ao ser procurado pela reportagem, apenas a assessoria informou que nega as acusações.

Uma mulher que foi chamada de Themis pela reportagem, com a intenção de proteger a identidade, deu detalhes e disse que o caso aconteceu em 9 de agosto de 2014, quando ela estava participando da festa da InterFAUna USP.

- Anúncio -

A jovem está com 27 anos, ela contou que estava acompanhada de uma amiga e que já havia feito ingestão de bebida alcoólica. Em um determinado momento,  Felipe Antoniazzi Prior, que era estudante na Universidade Presbiteriana Mackenzie, ofereceu carona às duas. Elas seguiram no carro dele que deixou a amiga em casa e depois, quando estavam indo para a cada dela, ele parou o carro em um lugar com pouco movimento e praticou o ato, conforme o relato de Themis para a reportagem, contando detalhes dolorosos do estupro.

A jovem também disse que tentou se desvencilhar de Felipe, mas como estava “alta” pela bebida, não conseguiu impedir o ato, mas chorou e gritou.

Ela ficou ferida na região genital, tendo sangrado muito. Ele a levou para casa depois do estupro e em casa, a mãe a levou para o hospital.   Themis disse que ficou dias com dificuldade para andar e ir ao banheiro. Um ano depois ainda sentia dificuldades de voltar a vida comum.

- Anúncio -

Em 2016, houve uma tentativa de estupro durante os jogos InterFAU. Uma estudante, que a reportagem deu o pseudônimo de Freya, hoje com 24 anos, pelos mesmo motivos, para preservar a identidade, Felipe teria tirado proveito do estado de embriaguez da estudante para persuadi-la a entrar na barraca de camping. Ela contou que ele tentou forçar sexo anal, mas ela conseguiu empurrá-lo, após muitas tentativas para se livrar do ex-BBB.

Em 2018, também nos jogos da InterFAU, a estudante de pseudônimo Ísis, atualmente com 23 anos, fez uma narrativa muito parecida com os relatos anteriores. Felipe insistiu para ela o acompanhar até a barraca, onde tiveram relações sexuais consensual a princípio, depois ela teria pedido para parar, quando ele começou a ser agressivo, foi então que o ex participante do BBB deu tapas no rostos e no corpo dela. Duas testemunhas disseram ter ouvido do lado de fora.

Créditos: https://revistamarieclaire.globo.com/Mulheres-do-Mundo/noticia/2020/04/duas-acusacoes-de-estupro-e-uma-de-tentativa-de-estupro-contra-felipe-prior.html


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

Written by SIlvia Jornalista

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Padrasto é preso por abusar sexualmente de enteada de 13 anos; vítima gravou ato

Felipe Prior se manifesta sobre denúncias de estupro e alega inocência