Caso Taina: suspeito de sequestrar jovem e filha de oito meses é preso

A jovem e a filha de 8 meses estavam desaparecidas desde o dia 03 de novembro, quando o marido de Taina registrou o caso na polícia

A jovem de Pilar do Sul em São Paulo, Taina Queiroz, de 18 anos, e a filha dela de oito meses Sofia Helena da Silva, que desapareceram no dia 03 de novembro, foram encontradas.

Raul Kennedy da Silva, de 19 anos, havia registrado o desaparecimento da esposa e da filha, e disse que elas teriam sido raptadas por um ex-patrão dele, Luís Fernando Lourenço.

O homem mandou vídeos dizendo que estava com a mulher e a crianças, mas que ela teria ido por livre e espontânea vontade, mas o marido de Taina disse que não acreditava nessa hipótese.

Luiz Fernando era foragido da polícia, e foi encontrado na tarde deste sábado (01), em São Luis do Maranhão, onde foi preso.

O delegado Acácio Leite, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Sorocaba (SP), que trabalhava no caso confirmou a informação ao G1.

“Fui informado sobre a prisão e que está lá no plantão. Taina e a filha foram encaminhadas para um abrigo, e a família foi informada sobre o encontro delas”, disse o delegado.

O suspeito que está sob custódia da justiça, será encaminhado para Sorocaba, onde ficará preso por estelionato do qual ele estava foragido, e responderá no inquérito do sumiço de Taina e subtração de menor.


ATENÇÃO MÃE, QUAL SUA OPINIÃO?

escreva seu comentário abaixo👇